"Life feels like a midnight ride..." - SOAD

20 de dezembro de 2016

Wrap up Maratona Spook-a-Thon


E, finalmente, venho fazer o wrap up da maratona de Halloween! Já nem me vou por com desculpas porque andar atrasada nos posts já começa a ser crónico...

Como sabem, participei na maratona Spook-a-Thon que decorreu durante todo o mês de Outubro e que consistia em oito desafios.

Tendo em conta os desafios, fiz a bela da pilha de leituras e ataquei a maratona como se não houvesse amanhã. Vamos lá ver como correu.

Desafios:

1 – Livro com título ou capa que te assuste


Comecei em grande, com este belo exemplar. Li O Exorcista, de William Peter Blatty, de 1 a 5 de Outubro e, acreditem, não poderia ter começado por um livro melhor. Leiam!!

2 – Livro que tenha uma história com fantasmas, bruxas, fadas, magia ou outras criaturas fantásticas


Quando fiz as minhas escolhas inicialmente, Lost Boys, de Lilian Carmine, foi o vencedor. No entanto, nem sei se consegui chegar às 100 páginas lidas, de tão mau que era o livro. Demasiado juvenil, com demasiados "wtf's?", demasiada falta de sentido e escrita muito fraquinha (isto apenas para enumerar alguns podres do livro. Poderia continuar, acreditem).
Tendo sido "obrigada" a escolher outra leitura, optei por Maligna, de Joanne Harris, e este sim, já me encheu mais as medidas. Li-o em dois dias, de 8 a 9 de Outubro, e, apesar de falar em vampiros, o caminho seguido pela autora foi bastante interessante e diferente dos convencionais. Não me agarrou a 100%, mas não deixou de ser uma boa leitura.

3 – Vai à livraria/biblioteca, escolhe uma estante, da esquerda para a direita escolhe o 13º livro, é esse que vais ler (se não te der jeito, vai à tua tbr, pede a alguém que alinhe os livros, com as lombadas viradas para dentro, e escolhe o 6º ou o 13º livro)


Calhou-me na rifa o As Gémeas do Gelo, de S. K Tremayne, e bem que me podiam sair sempre rifas deste género! Li-o de 16 a 30 de Outubro e gostei imenso de todo o mistério envolvente na história. Demorei mais do que pretendia a lê-lo, mas a vida aconteceu...
Com a brincadeira, já tenho de ir buscar o último livro do autor, A Criança de Fogo, para ler também.

4 – Ler um conto de Edgar Allan Poe ou uma lenda portuguesa







Nunca tinha lido Poe e esta pareceu-me a desculpa perfeita para o fazer. Era para ter comprado um livrinho fantástico com todos os contos do autor, mas o preço estava um bocadinhooo puxadote e decidi esperar por uma promoção. Assim, encontrei na net alguns contos do autor e um em particular chamou-me à atenção - The Murders in the Rue Morgue. Li-o no dia 28 de Outubro e, aproveitando a onda, encontrei uma "continuação", de seu nome The Mystery of Marie Rôget, que li de seguida.
Custou-me um pouco entrar no mundo de Edgar Allan Poe, especialmente porque o início daquele primeiro conto é de deitar as mãos à cabeça de tão "académico" que é. Mas passando o suposto prefácio do conto, a história desenrolou-se diante dos meus olhos de uma forma maravilhosa. Macabro no seu âmago e com explicações pormenorizadas, quase um CSI versão vitoriana, que me deixou com muita vontade de ler mais.
A experiência com o The Mystery of Marie Rôget não foi tão boa pois a versão que li não estava completa o que acabou por me deixar meio desnorteada no final. Mais uma razão para arranjar o livro!

5 - Escolhe um livro da tua estante, tira uma foto do livro, coloca na foto objectos que mostrem aos outros leitores sobre o que trata o livro


"Mas onde é que vais com o cutelo?", pergunta a minha mãe. "Vou só ali tirar uma foto e já venho"...
Cá está um dos livros da minha vida - Mysery em todo o seu esplendor!

6 - Sabes aquele livro que viste na estante de alguém e tinhas pensado em nunca ler??? Pega nele e lê


Tão emocionante que acabei por me esquecer dele e nem tirei foto... enfim... o importante é que finalmente o li e meh! Era exactamente o que estava à espera. Li-o de 14 a 16 de Outubro o que até nem foi muito mau.

7 – Escolhe uma citação ou frase de um livro que tenhas lido recentemente, escreve-a nas redes sociais (na página da spook-a-thon), e explica aos leitores por que é que escolheste essa frase 


A minha frase não podia ser mais estranha à primeira vista, mas o certo é que me recordo bastante vezes dela no meu dia-a-dia. Basicamente, se tiveres enrascado em alguma situação não desistas apenas porque as coisas não estão a correr como planeado. Às vezes as coisas mais improváveis são aquelas que te vão ajudar a ultrapassar os obstáculos no caminho.

8 – Desafio aberto: ler um livro de fantasia de um autor português


Escolhi este amigo. Apesar de não ter sido a melhor leitura de todos os tempos, proporcionou-me bons momentos na companhia de personagens improváveis. Li-o em apenas dois dias, 30 e 31 de Outubro e terminei-o a 15m da meia noite do último dia da maratona. Ah valente!
Btw, estou in para continuar com a saga!!

E foram estes os amigos que me acompanharam durante todo o mês de Outubro e na minha primeira maratona literária. YAY! Gostei imenso da experiência e acho que não podia ter escolhido melhor companhia para o fazer, tanto com a maltinha que também participou, como dos livros que acabei por ler. E agora, que venha a próxima!! :)

P.S: Sim, apercebes-te que precisas de umas férias prolongadas quando entras no teu blog para o começar a actualizar e te reparas que tens posts criados há dois meses que nunca chegaste a publicar. Onde me posso candidatar a um ano sabático?

0 comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo teu comentário! :)

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Seguidores

Também no Blogloving

Follow

Quem por cá passou

Este blogue não segue nem apoia o acordo ortográfico!
Todas as imagens e textos não feitos exclusivamente para este blogue, não me pertencem. Com tecnologia do Blogger.

Copyright © Gritos Mudos Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com