"Life feels like a midnight ride..." - SOAD

22 de fevereiro de 2015

Opinião - "O Símbolo Perdido", de Dan Brown

O Símbolo Perdido
de Dan Brown
Edição: 2009
Páginas: 571
Editor: Bertrand Editora
ISBN: 9789722520140
Categoria: Mistério, Ficção, Thriller



"Aquilo que se perdeu será encontrado…"
Sinopse:

Washington, D. C.: Robert Langdon, simbologista de Harvard, é convidado à última hora para dar uma palestra no Capitólio. Contudo, pouco depois da sua chegada, é descoberto no centro Rotunda um estranho objecto com cinco símbolos bizarros. 
Robert Langdon reconhece-os: trata-se de um convite ancestral para um mundo perdido de saberes esotéricos e ocultos. 

Quando Peter Solomon, eminente maçom e filantropo, é brutalmente raptado, Langdon compreende que só poderá salvar o seu mentor se aceitar o misterioso apelo. 

Langdon vê-se rapidamente arrastado para aquilo que se encontra por detrás das fachadas da cidade mais poderosa da América: câmaras ocultas, templos e túneis. Tudo o que lhe era familiar se transforma num mundo sombrio e clandestino, habilmente escondido, onde segredos e revelações da Maçonaria o conduzem a uma única verdade, impossível e inconcebível. 

Trama de história veladas, símbolos secretos e códigos enigmáticos, tecida com brilhantismo, O Símbolo Perdido é um thriller surpreendente e arrebatador que nos surpreende a cada página. 
O segredo mais extraordinário e chocante é aquele que se esconde diante dos nossos olhos…

Podem dizer o que quiserem sobre Dan Brown, que as suas histórias são sempre a mesma coisa, que o personagem do Robert Langdon é demasiado exagerado, que as insinuações históricas e as conspirações que derivam destas são rocambolescas, o que for. Sinceramente não me interessa, continuo a achar as suas aventuras bastante bem delineadas e bem conseguidas. Sim, é verdade que nos deparamos com certas situações que nos fazem levantar os olhos do livro, levantar a sobrancelha e pensar "a sério?", mas acho que alguma da piada se encontra mesmo aí.

Este livro é o terceiro da série de aventuras de Langdon (O Código Da Vinci, Anjos e Demónios, O Símbolo Perdido, Fortaleza Digital e Inferno) e, talvez por ter lido reviews um pouco mazinhas, só agora o li. Escusado será dizer que as reviews na Goodreads são para esquecer!

Mais uma vez vamos encontrar Robert Langdon, o professor e simbologista de Harvard, numa corrida contra o tempo para conseguir decifrar um objecto antigo que contém uma mensagem escondida e que poderá abalar os alicerces do conhecimento de todos os envolvidos e mesmo do mundo. Desta vez, as suas deduções irão ser cruciais para ajudar o seu grande amigo, Peter Solomon, que havia sido raptado por um lunático em busca da palavra divina dos Maçons.
A personagem feminina, sempre presente, encontraremos na irmão de Peter, Katherine Solomon, cientista e investigadora de uma nova área da ciência, noética.
O rapto de Peter, e as razões por trás deste, depressa tomam proporções desmesuradas e o FBI vê-se obrigado a intervir. Mas as suas razões serão as mesmas de Langdon e Katherine? 

O Símbolo Perdido é mais uma belíssima aventura que só Brown nos consegue oferecer. Tem tudo para nos manter colados às suas páginas, trama, enigmas, mistério, história, conspiração, corridas desenfreadas contra o tempo e contra o mundo. 

Só espero que não façam um filme com ele. Já bastou as duas desgraças com o Código Da Vinci e o Anjos e Demónios e agora a profanação do Inferno. Já chega, sim? A malta agradece.

0 comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo teu comentário! :)

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Seguidores

Também no Blogloving

Follow

Quem por cá passou

Este blogue não segue nem apoia o acordo ortográfico!
Todas as imagens e textos não feitos exclusivamente para este blogue, não me pertencem. Com tecnologia do Blogger.

Copyright © Gritos Mudos Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com