"Life feels like a midnight ride..." - SOAD

15 de julho de 2007

Vou fugir
Não vou voltar atrás
Não posso olhar para trás
Não te quero mais
Como te desejo
Quão louca é a saudade de ti
Os dias são cinzentos agora
Mas Não volto
Não quero voltar
Não posso para trás olhar
Estás longe
E eu tão perto
Mas fica longe
Que não te quero tocar
Não te posso tocar
Sai da minha alma
Arranca-te de mim
Não te quero mais
Não voltas a ser o que foste para mim
Saudade...
Adeus Amor!

Carpe Diem ou algo do género...

Ontem fui feliz.
O céu era azul e o sol brilhava,
vi a beleza do mundo
desenrolar-se perante mim.
Voei bem alto, toquei as nuvens,
senti o aroma do mundo.
Abri meu coração e amei!

Hoje Chorei.
Fugiu-me das mãos a alegria,
deixei escapar o belo,
refugio-me no horrendo.

O meu anjo tornou-se o meu demónio!
Esqueci-me do azul,
a minha vida é noite agora...

Não me quero recordar!
Doces tempos os que já vivi.
Volta minha loucura esquecida
que já te mereço de volta!
Dá-me a mão
e acompanha-me para sempre...

Loucura de vida!

Seguidores

Também no Blogloving

Follow

Quem por cá passou

Este blogue não segue nem apoia o acordo ortográfico!
Todas as imagens e textos não feitos exclusivamente para este blogue, não me pertencem. Com tecnologia do Blogger.

Copyright © Gritos Mudos Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com